Como adestrar cachorro filhote?

adestrar cachorro

Trouxe um filhote para casa, mas o pequeno está lhe deixando maluco? Cansou de ver sapatos roídos, móveis quebrados, roupas rasgadas e tudo mais? Sabia que adestrar cachorro pode ser uma ótima opção para acabar com esses problemas?

Sim, porque o adestrador de cães pode lhe ensinar a enfrentar os problemas com o pequeno, garantindo boas risadas e deixando as perdas financeiras, mordidas e arranhões para trás.

Gostou da ideia? Então veja como adestrar um filhote de cachorro. Seus problemas vão ficar para trás em pouco tempo. Confira.

Como fazer o adestramento cachorro filhote

Fazer o adestramento cachorro filhote é a melhor opção, pois nesta fase os animais estão mais abertos a aprender comandos e tem sua personalidade em formação, facilitando assim o sucesso no treinamento.

Então, para lhe ajudar, confira as dicas que preparamos, para que você tenha sucesso em sua empreitada.

Entenda a personalidade do filhote

Quem tem um filhote em casa costuma sofrer com o comportamento cachorro, afinal de contas muitos deles parecem ter uma bateria infinita e a disposição do universo para morder tudo, não é mesmo?

Bem, para começar o adestramento cachorro é preciso entender a personalidade do pequeno. Filhotes adoram explorar ambientes, são curiosos e com muita energia e já tem sua própria personalidade.

Então, antes de começar o adestramento, é importante ficar atento a traços desta personalidade, para que você possa entender qual o melhor tipo de treinamento que se encaixa ao filhote.

Aposte na socialização

Outro ponto importante para quem deseja aprender como adestrar cachorro passo a passo é investir na socialização, sobretudo nesta fase da vida do cachorro.

Acostume o filhote a vivenciar situações sociais, para que o animal não cresça com medo de tudo, evitando que ele se torne um cachorro medroso ou agressivo quando precisar vivenciar essas situações que tanto teme.

Durante o adestramento para melhorar o comportamento cães não se esqueça de ter seu filhote sempre por perto caso esteja em um ambiente com muitas pessoas. Avalie sempre as reações dele e não deixe o animal em situações onde ele ficará muito estressado.

Ele está feliz com todas as pessoas? Permita que eles as cheire e até brinque com elas. Agora, se o ambiente tiver crianças, fique mais atento, porque podem ocorrer incidentes, sobretudo com o filhote, que pode se machucar ou mesmo vivenciar experiências que o traumatize, como puxões de rabo ou de orelhas.

Deixe o filhote interagir com outros animais

Uma alternativa para melhorar o comportamento de cães filhotes é permitir que o animal socialize com outros seres, seja da sua espécie ou de outros. Fazendo a aproximação de forma segura, você evita que o animal fique estressado ou ansioso.

Vai pensar em dar um passeio com o pequeno? Fique de olho no calendário vacinal. Filhotes tem a imunidade muito frágil e só devem sair para a rua após estarem completamente imunizados.

Se precisar sair, não deixe o filhote ficar em contato com outros animais ou mesmo com o chão. Assim, você previne o aparecimento de doenças que poderiam ser fatais para cachorros tão pequenos.

Leia mais no blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *